Quinta-feira
22 de Outubro de 2020 - 

Intranet

Clientes / Advogados

Notícias

Boletins

Assine e receba nossas atualizações jurídicas

Bolsas de Valores

Bovespa 0,92% . . .
Dow Jone ... % . . .
NASDAQ 0,02% . . .
França 0,43% . . .
Japão 1,86% . . .
S&P 500 0,31% . . .

Cotação de Câmbio

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,60 5,60
EURO 6,65 6,65
IENE 0,05 0,05
GUARANI 0,00 0,00
LIBRA ES ... 7,36 7,36
PESO (ARG) 0,07 0,07

Webmail

Institucional / Colaboradores

Previsão do tempo

Hoje - Brasília, DF

Máx
26ºC
Min
19ºC
Nublado e Pancadas d

Sexta-feira - Brasíli...

Máx
24ºC
Min
18ºC
Pancadas de Chuva

Hoje - Niterói, RJ

Máx
25ºC
Min
22ºC
Instável

Sexta-feira - Niterói...

Máx
26ºC
Min
22ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - São Paulo, SP

Máx
26ºC
Min
18ºC
Chuva

Sexta-feira - São Pau...

Máx
25ºC
Min
16ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Rio de Janeiro,...

Máx
25ºC
Min
22ºC
Instável

Sexta-feira - Rio de J...

Máx
26ºC
Min
22ºC
Parcialmente Nublado

Cejusc de Atibaia realiza sessão com mediador internacional

Tecnologia permite a participação direto dos EUA.   O Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) de Atibaia realizou, ontem (22), mais uma audiência com mediadores de fora do país. Sob a coordenação do juiz Rogério Aparecido Correia Dias, a sessão foi conduzida, via Teams, por Alexandre Tella, que atualmente reside em Columbia (Missouri), nos EUA, e Maria Clara Villacorta, de São Paulo. Antes da sessão de conciliação, o magistrado, junto aos mediadores, realizou um bate-papo virtual com jornalistas de Atibaia que se interessaram pelo fato.  “Eu sou um grande adepto das tecnologias. Moro em Columbia há quatro anos, mas antes disso mediava sessões presenciais no Cejusc de Campinas. Quando me mudei, tentei seguir mediando conflitos on-line, mas o formato antigo não permitia. A pandemia chegou e todos passaram a aderir às videoconferências, então pude voltar. Acredito fortemente no papel da tecnologia na solução de conflitos”, contou Alexandre Tella. Por outro lado, a mediadora Maria Clara Villacorta ressaltou que antes da pandemia obrigar o Cejusc a aderir às sessões telepresenciais, tinha algumas restrições com o formato. “No início pensei que as videoconferências perderiam informações que considero importantes, como a expressão corporal, o olho no olho. Mas depois percebi que tudo é uma questão de adaptar o meu olhar. Por conta da pandemia, pessoas que eram pouco entusiastas das tecnologias ficaram sem saída e foram obrigadas a evoluir. Já estão surgindo cursos de mediação online, que mostram como as novas ferramentas podem melhorar a resolução de conflitos. Agora estou entendendo mais sobre isso e mudando minha opinião”, disse.  Em ação ordinária de obrigação de fazer, as partes tentaram conciliação, mas as tentativas restaram infrutíferas.    imprensatj@tjsp.jus.br   Siga o TJSP nas redes sociais: www.facebook.com/tjspoficial         www.twitter.com/tjspoficial         www.youtube.com/tjspoficial www.flickr.com/tjsp_oficial www.instagram.com/tjspoficial  
23/09/2020 (00:00)

ENTRE EM CONTATO

Rua do Carmo  nº 7,  17º andar
-  Centro
 -  Rio de Janeiro / RJ
-  CEP: 20011-020
+55 (21) 98024-8595+55 (21) 3254-2373
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitante nº  1866694
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.